quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Depois das Nuvens

 

Por trás das egóicas brumas,
Das ilusórias dunas,
Da mente condicionada,
Pela atualidade, aprisionada...
Repousa em tranquilidade,
A Verdade!

Única!
Absoluta!
Em nada, súbita...
Augusta!
Constrangedora,
De tão redentora!

Está a um grau de separação,
No encontro das paralelas
Da razão e da emoção...
Entre os vasos da janela!
Na respiração do cantor,
No impulso do escritor!

É nada, o que nos separa
De sua referência,
De sua luminescência...
De sua irradiação,
Que é pura consagração!!!
Só a Verdade ampara!

O resto resume-se a ilusão,
Desolação...
É andar em círculos,
Em tortuosos muros...
Semear o rígido!
Saborear o insípido!

Depois das nuvens inexistentes,
Está, em estado latente,
O bom...
Com seu inesquecível som!





Vídeo Maravilhoso
Dani Black e Zélia Duncan
"Miragem"
http://www.youtube.com/watch?v=vSOag4aU5EM&feature=related



Proporcione Enlevo!
Presenteie Poesia

"Vida Alta" - Minha primeira obra. Um livro corajoso, profundo, lúdico, sendo leve, alegre... Com alguns puxões de orelha, mas todo ele alto astral, pra cima! Cheio de força, perseverança. Uma aposta no autoconhecimento, como única via para a evolução. 

"Ardentia" - Versos arrebatados! Novo enquadramento para antigos questionamentos. - Uma explosão de determinação, alegria e paixão!

Contato: cbs263000@hotmail.com  




2 comentários:

Mari disse...

Lindo poema!!
Tenha uma ótima quinta-feira!!
Mari♥

Anônimo disse...

***** Lindo, lindo, lindo!*!*!* Tudo perfeito... Poesia, imagens, vídeo...
Você é O Poeta!* Parabéns meu amigo da Luz Dourada!* Amo você!* Um abraço, coração com coração!*!*
>>> Narlei*