sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Louco por Ela









Sou louco pela harmonia.
Fã de sua melodia.
Nada é igual.
Ela é algo, realmente, sideral,
De tão perfeito.
O mais aconchegante leito.
É onde a vida se descomplica.
E se mostra mais bonita.
Em seu colo, tudo se explica.
Muda totalmente o ângulo da subida.

Aprendi com a natureza,
Onde melhor se revelam as certezas.
Ainda que sejam necessárias tempestades,
Vendavais, maremotos...
... Emocionais terremotos,
Para mantê-la, para resgatá-la.
Bom mesmo é cultivá-la.
É onde a alma se espraia,
E se reconhece.
Generosamente aquece.
Ensolarada praia!

Longe dela, a vida é um erro.
Um roteiro sem texto,
Sem nexo.
Trava todos os plexos.
Tudo perde o sentido.
Fica impraticável encontrar o ritmo.

Já em seus braços,
Habitam os mais calorosos abraços.





"Eu trago em mim..."
http://www.youtube.com/watch?v=U8MUNOMmsq4








quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Falta Pouco





Sinto alguns pontos conectando-se.
Explicando-se,
Ou, querendo se explicar,
Querendo se juntar.
Querendo fazer sentido,
Neste instante pra lá de esquisito.

Qualquer que seja o movimento,
Farei ser a meu favor,
Em nome de meu calor!
São tão fortes, os atuais sentimentos,
Que me passam uma segurança maluca,
Aos olhos do racional, absurda,
Proporcionada por alguns elementos da altura.
Promessas de emocional cura!

Falta pouco pra eu fechar o quadro
E, assumir, definitivamente, meu compasso.
A vida na Bahia fez toda a diferença,
Com sua exuberantemente natural presença.
Seus tristes contrastes,
Seus sociais desastres!
A paixão
Que emana desse chão,
É totalmente sobrenatural!
Incontestavelmente sideral!
A pulsação planetária aqui, é tão forte,
Que é improvável não identificar o Norte.
O corte!
A morte!

A sorte!







"O tempo não para e no entanto ele nunca envelhece"
"Estive no fundo de cada vontade encoberta"
http://www.youtube.com/watch?v=JeY2ojRkSys










Presenteie lirismo!!!

Para adquirir  meus livros direto no site da Editora Biblioteca24horas,
Clique no link abaixo. 
Em seguida, digite meu nome ou o do livro no campo de pesquisa

http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br









quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

O Apoio






O xis da questão de abrir o próprio caminho,

É ter que ir tateando,
Intuindo,
Percebendo,
E se moldando,
De acordo com o que está acontecendo.

Acontecimentos, que quase nunca são esperados.

Em sua esmagadora maioria, não foram idealizados,
Nem projetados,
Para se verem materializados.
Mas, ali estão.
Desafiando a razão.
Invadindo o coração,
Sem qualquer permissão.

Inexistem exemplos a serem seguidos.

Como você sente, ninguém havia sentido,
Ou percebido,
Ou, se consentido!
É tudo absolutamente novo
E isso assusta o povo.
As pessoas olham com estranheza,
Qualquer mergulho em pureza.
Desconhecem as essências,
Por isso atravessam a cadência.

O apoio vem do planeta

Com toda a nobreza
De sua natureza.
É absolutamente plena sua beleza
Que inspira,
Aquece...
Nada pede
E ilumina!






"Ser um bicho preguiça, espantar turista"
http://www.youtube.com/watch?v=buixV-ZJw_M







Presenteie lirismo!!!

Para adquirir  meus livros direto no site da Editora Biblioteca24horas,
Clique no link abaixo. 
Em seguida, digite meu nome ou o do livro no campo de pesquisa

http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br





terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Vergonha Planetária em Uganda !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!










           Soube ontem, no Sudio I, através de Renato Galeno que o presidente de Uganda, assinou em público, depois de ter chamado toda a imprensa e autoridades importantes, que, a partir daquela data passaria a ser crime, qualquer manifestação homossexual. (Vá lá saber o que se enquadra nesse mórbido e insano quesito). A ignorância saiu tão fora de controle, que, até mesmo, quem souber de alguém que tenha comportamento homossexual e não denunciá-lo às autoridades, será condenado à prisão. 
       A homofobia em boa parte da África é pública, mas nunca tinha chegado a este absurdo e desumano patamar. Parece que tudo isso se agravou, com a chegada das igrejas evangélicas norte-americanas, com suas restrições à liberdade individual, totalmente impraticáveis. Trocando em miúdos: as igrejas evangélicas foram pra lá, pra fecharem as únicas janelas por onde passava alguma lucidez, alguma luminosidade. Os generais gostaram, claro! Afinal povo reprimido é mais fácil de ser manipulado, de ser enganado, de ser, em todos os níveis: LESADO!!! 
       Novamente, senti aquela incômoda e, ultimamente, tão frequente sensação de ter vergonha de estar vivendo neste momento, fazendo parte desta humanidade tão, ou mais esdrúxula, caquética, e, acima de tudo desumana, que a medieval!
       Voluntariamente, a humanidade regrediu, para ver se encontra a chave de sua tétrica ilusão, que há muito se perdeu. Há muito perdeu totalmente a validade e o sentido. Quase tudo que se estampa nas manchetes negativas dos jornais, é patético. É feio! É sujo! É baixo! É pequeno! É raso! Para com a Criação, incontestavelmente, ingrato. Tudo sempre pelo poder! Pelo dinheiro! Para melhor manipular! Os erros se repetem e crescem na medida em que são praticados conscientemente, apesar de tudo que já amargamos. De tudo que já sofremos! De tudo que já destruímos, irresponsavelmente!
        Outro presidente africano afirmou categoricamente que em Zimbabwe não existem homossexuais. Querendo afirmar com isso, que a homossexualidade é comportamento adquirido, aprendido. Portanto, como tal, pode ser desaprendido. Olhem: seria até bom se assim fosse! Garanto que uma expressiva quantidade da população afetada, correria para tirar de si essa cruz, que está aumentando de tamanho, de peso, em restrições. Mas, não é. Ninguém escolhe ser homossexual. Nasce-se assim, sem direito à negociação. E, Ponto Final!!! Destrinchando: discordar de algo natural, impregnado no ser, é discordar da própria Criação. Estou falando de necessidade sexual, e, não de frescuras no comportamento!!! Seria possível ela ter errado? Deus, o tão falado e reverenciado, teria errado??? Ué, mas foi errar logo com a humanidade, que se considera sua Obra Máxima???!!! 
        Estou com um aperto no estômago de ter que escrever esta crônica em pleno 2014! Que estrago que a economia - com sua crise imoral - está proporcionando ao planeta!!! Já não basta tudo que ela destruiu pra sobreviver, agora quer fechar as almas em cubículos, pra que continuem a serem miseravelmente exploradas. Novamente! Tudo de novo! Uma minoria inescrupulosa querendo estragar com a vida do povo!





Perfeição:
http://www.youtube.com/watch?v=UueCjRrQLM4










segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Gestos/Tetos






Os presentes mais valiosos,
Mais saborosos,
São os gestos...!!!
Acolhedores tetos!
Quando você os aceita,
Ele se ajeita
E se torna chão
Para você decolar,
E, ir ter com o ar...

Refiro-me aos gestos de coração.

Os verdadeiros, sinceros, insubstituíveis,
Aos da tribo dos sensíveis.

São aqueles que não foram requisitados,
Nunca foram reclamados.

O que os eleva à condição de diamantes.

São os que iluminam qualquer semblante.

Estas preciosidades só podem vir de uma alma,
Que tenha, extremamente, generosa, a palma.

Alguém que lhe goste, de graça.
Provavelmente, alguém que tenha a ternura
Como praça!
Alguém em contato com sua própria altura.
Com as coisas do patamar superior,
Alguém, já íntimo de seu Eu Superior!

Ricardo, amigão!
Abençoado seja, é, seu coração.
Você, Poeta!
Você, Professor, Seta!
Homem apaixonado pelo Amor.
Pela vida.
Por todas as crias!
Por isso a Criação o fez escritor!


Muito, muito, muito, muito Obrigado.
Seu carinho, em mim,
Tão importante pra mim,
Está eternizado!




Este texto poético é um agradecimento a Ricardo Santos Mascarenhas - suponho que seja assim o sobrenome dele... rsrs - à sua resenha/presente para meu livro "Ardentia"




Outro vídeo da mesma canção, Ricardo!
http://www.youtube.com/watch?v=jpQ41swG0U4



Para quem não leu a resenha :
http://www.recantodasletras.com.br/resenhasdelivros/4702496







domingo, 23 de fevereiro de 2014

Resenha de Ricardo Santos Mascarenhas para "Ardentia"






Itacaré está em festa, todos os santos estão presentes, é sonho, é mar, é céu, é lua e luar! É sol à aquecer e também a iluminar um novo caminho, é ninho a aconchegar de mansinho aquele que veio pra ficar! Claudio, o Poeta, percebeu isso de pronto, e de tanto se iluminar, a poesia fez moradia de vez em seu olhar. Assim nasceu esta “Ardentia”, queimando os navios no porto como fez um dia Napoleão! Portanto, não há mais volta, apenas o caminho à frente pra seguir. O caminho escolhido é permeado de conselhos, dos bons, porque quem aconselha em nome de Deus, não pode trazer a maldade no coração, pelo menos penso eu!

Ardentia é descoberta, e descoberta é sempre algo que nos surpreende, que nos preenche de alguma forma aquele algo que estava vazio dentro de nós. Estar atento é o que interessa, sem pressa. E aqui nestas páginas, tudo pode acontecer, do anoitecer ao amanhecer. O surreal une-se ao real ao mesmo tempo diante de nossos olhos, como o mar que abraça o sol, soltando-o em seguida em direção ao céu azul, límpido, cristalino! Claudio mergulhou com maestria numa viagem mágica de paixão, estonteante, avassalando o coração. Às vezes acha inspiração no vulcão atento da percepção, num exercício de leitura da alma do outro, das coisas boas do outro que ele aprendeu a amar tão intensamente. Ele é uma alma igualmente generosa, em conto e prosa. Outras vezes avisa: tem que voar, voar alto, se quiseres me encontrar! Mas sua ingenuidade de menino travesso sobressai e traz-lhe um desespero maior, ele se importa com a tristeza de outras crianças, e assim já não controla suas lágrimas, pérolas reluzentes da preocupação, e não há vergonha, e nem porque às escondê-las.
Seu caminho é natural! Inexplicável até certo ponto, são os mistérios que todos trazemos dentro de nós, mas por ser tão imenso, inadiável confundiu-se com a natureza que pulsa dentro de seus sentimentos, vivos, livres, renascentes. Isso faz nascer de seu ventre a afeição marcante pelos poetas amigos, aqueles que de alguma forma tocam o seu ser sensível, poético que é, o seu viver tão especial. O seu verdadeiro atestado de nobreza, a mãe natureza, se faz acompanhar em toda sua linha de pensar. Desta forma prossegue e diz, “A coragem é que valida a viagem”! um convite cativante e desafiador. O seu capricho agora é o coletivo, dividir o indivisível, sentir a vibração, banir o egoísmo, exaltar a existência com sua sapiência. Algumas vezes molha-se na fina chuva, deixando-se lavar por inteiro, renascendo dos canteiros irrigados de sonhos, brilhando em seu universo cantado em cada verso. Esta é a Ardentia de Claudio Poeta. Permita-se de corpo e alma ao seu aquecer!





Um belo vídeo pra comemorarmos:
http://www.youtube.com/watch?v=GcwLeMiGF3g












sábado, 22 de fevereiro de 2014

Fim das Quizilas

km-stressnet.blogspot.com




Acho que é isso: com o tempo,
O Amor resolverá tudo.
Todas as quizilas do mundo.
Afinal, é o maior argumento.
O mais poderoso,
Além, claro, de mais delicioso.

Misericórdia! Como é bom!
E seu som?!

Inexiste algo igual.
Absolutamente sensacional.
Repito sempre: nossa única saída.
Melhor já irmos nos encaminhando,
Já irmos nos adaptando
A essa pista.
Belíssima vista!
De verdade, a derradeira conquista!
Onde a espiritualidade
Da humanidade
Não só aparece,
Como floresce
E a tudo aquece.
Aquiesce!

Já nos afastamos tudo que não podíamos,
Muito além do que deveríamos,
De nosso cósmico destino.
Está chegando a hora de vir à tona nosso hino,
Por sobre os egos,
Por entre o concreto!

O Amor brotará absoluto,

Impoluto!





"O Amor será eterno novamente"
http://www.youtube.com/watch?v=G6L3_BefNto






sorisomail.com




quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Pra me Conhecer Melhor !!!!









        Minha vida toda procurei pela espiritualidade. Minha mãe de criação era muito religiosa. Do tipo que leva à sério mesmo. Pensava eu, naquela inocente época. Mas, com certeza a postura dela me influenciou. Até porque era uma mulher extremamente forte. Do tipo "Ditadora do Leste Europeu". E, ela me levava em suas jornadas espirituais. 

        Um dos lugares a que ela me levou, além da igreja, é o que mais se parece com o que acredito, prego e pratico hoje. Era um Centro de Irradiação Mental - chamado Rogério Villares. Lembro-me até hoje que eu gostava muito. Ficávamos sentados em um templo que tocava músicas apropriadas, baixinho, pouca luz e alguém ia conduzindo a mentalização coletiva. Tudo muito simples, claro e bastante lógico. Irradiávamos Amor, Paz, Saúde pra o planeta todo. O lance da mente influir no ambiente. O poder de mentes juntas. É o que acredito hoje, depois de ter passado por umas 6 ou 7 religiões. Em todas, aprendi algo e, todas me decepcionaram. 

        Em um momento crítico de minha vida, onde já estava entregando os pontos, tamanha as tragédias que desabaram sobre mim, fui levado a uma clínica em Jundiaí chamada Andrômeda. Fonte de tudo que escrevo hoje. E o princípio ativo de tudo ali era exatamente - A Mente - Seus mistérios! Suas conexões! Suas possibilidades! 




        Estou falando isso tudo pra dizer (talvez, mais uma vez, pra mim mesmo) que tudo está conectado entre o bumerangue de ação e reação - de volta de tudo que se irradiou. Tudo isso adicionado às necessidades do processo evolutivo, tanto individual como planetário. O principal é que em todo movimento, ainda que violento, fui levado a patamares mais altos. As paisagens sensoriais foram ficando cada vez mais bonitas e claras. Nada, nenhuma das tragédias, que continuaram acontecendo, me levou espiritualmente pra baixo. Na mesma proporção em que fui afundando nas escalas econômico/sociais... 

        Quero destacar um ponto, que pode até causar certa polêmica. Mas, vamos lá: como é pequeno o nosso livre arbítrio. Pelo menos pra quem tem um mínimo de consciência de si mesmo. Sim, estou falando de mim. Sinto-me sempre conduzido. De forma bem indiscreta. Destrinchando: nunca acontece o que desejo. Refiro-me às grandes decisões. Exemplo - foi evidente e eu registrei tudo em meu blog Vida Alta - que eu fui conduzido até Itacaré. Tudo conspirou, ou melhor, todo o resto se fechou, agora sim, discretamente, até que só ficou Itacaré em minha alma. Outro exemplo: este sítio foi o primeiro lugar que vi, através da primeira imobiliária que fui. Quando o carro estacionou na entrada do sítio eu virei pra o dono e disse. Eu fico. Nem preciso ver a casa. Seja ela como for: eu fico. Não tive dúvida. Não me arrependi. Aqui produzi demais. Imortalizei-me em cinco obras já publicadas e uma sexta aguardando verba. Fora tudo que publiquei no blog. Isso valeu tudo. Mas, não foi só isso. O que eu mudei a mim mesmo aqui. Não foi brincadeira. Troquei váááááááááárias peles... Não é pra qualquer mané, não. Não é pra os covardes que nunca mudam e emboloram. Apodrecem no mesmo lugar, atrapalhando a evolução.

        Minha sensibilidade está em um patamar inimaginável. Dificílimo de descrever. Só sei que sinto. Sinto tudo! Sinto como nunca senti. Portanto: não posso me orgulhar de meu passado. Não que tenha feito grandes porcarias. Mas, dei mole comigo mesmo. Deixei-me minimizar, achatar, pra caber!!! Atenção queridos leitores: jamais, em hipótese alguma permitam que lhes desabe esta tragédia. 

        Consciência dói. 

        Sensibilidade enlouquece. 

        É caminho sem volta. 

        Não posso fingir que não sei o que já está entranhado em mim...

        Tirando o incômodo e os frequentes constrangimentos, só dá vontade de saber mais. De abrir mais a cabeça. De sentir HOLISTICAMENTE! Cheguei onde eu queria: começa a aparecer um vestígio de sentido. Bem diferente do que imaginei. Mas, é melhor que essa tosca ilusão, imposta brutalmente pela atualidade.



"Se meus joelhos não doessem mais"
http://www.youtube.com/watch?v=SsH3Cn5OglM







quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Claro, Cheiroso











Tanto tempo passou e meu carinho por você
Sobreviveu. Sobrevive.
Altivamente, vive.
Assim, dá melhor forma: livre!

... Brancura de cisne...

Ah! Como gosto de você!

Se soubesse, se tivesse a certeza,
De que você é capaz de suportar
Toda a subsequente falta de ar...!!!

Se soubesse que você resistiria
Ao rompimento de sua represa:
Honestamente, insistiria.

É com você que gosto de sonhar,
Acordado...

... Deitado...

Desejoso!

... Claro, cheiroso!!!

Sonho delícias...
... Efetivas carícias!

Um manto de carinho.
As melhores palhas para nosso ninho!

Muito, muito, muito, muito Amor!

Estelar Amor!

Você já está tão perto...
Falta tão pouco pra terminar
De atravessar
Seu deserto!!!

Já está quase tocando minha mão...
Venha! Vamos abandonar o chão!








"Caiu do céu, se revelou"
http://www.youtube.com/watch?v=t_BfvzGHJGA







Presenteie lirismo!!!

Para adquirir  meus livros direto no site da Editora Biblioteca24horas,
Clique no link abaixo. 
Em seguida, digite meu nome ou o do livro no campo de pesquisa

http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br







Brando, Branco! - Hepa Babá !!!!!!!!!!!!

christianoribeiro.blogspot.com 







Aqui, nas mãos carinhosas,
Fraternas e generosas,
De Oxalufã,
Livro-me da escuridão,
Que aprisiona a multidão.

Renasço a cada manhã.

Reinvento meus signos,
Edifico pontes douradas,
Totalmente iluminadas,
Sobre todos os abismos.
Pessoais ou coletivos.
Quero tirar 
O verbo Amar
Do infinitivo!

Recorro ao poder supremo,
Para transpor este momento extremo.
Sozinho, nada sou.
Oxalufã sempre me acompanhou,
Mas, agora, tomou a frente,
Pra eu falar pra toda a gente,
Que sofre indiscriminadamente.
Por vezes, até, injustamente.

É o fim da escravidão,
A mando da mansidão!

Vem aí um momento brando...
... Impecavelmente,
Exemplarmente,
Branco!





"Axé Babá"
http://www.youtube.com/watch?v=MkPf_zNZdlI









diariodeumafofinha.blogspot.com 



terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Heróico















 




Por vezes,
E, já foram tantas vezes,
Me desespero com a estreiteza do fio...
... Este excesso de frio!
Como é que alguém pode viver assim,
Sem, materialmente,
Sonoramente, 
Ouvir de algum lado, um Sim!

Pior ainda, quando o exercício

Do tempestuoso ofício,
Obriga a se sensibilizar
Dia a dia
A cada poesia,
Para continuar percebendo
E escrevendo.
Transcrevendo
O que vou compreendendo...

Mas, o desastre, é quando essa compreensão,

Bate de frente, 
Violentamente,
Com essa obtusa ilusão.
Se houver genuína preocupação,
Para com a multidão,
O sofrimento é certo.
Causticante deserto.

É quando o tal fio se estreita

E a alma não se ajeita...
Transborda
E, convulsivamente, chora.

Porém, estranhamente não para.

Sofre, descabela-se,
Estraçalha-se, estilhaça-se
E se cala.
Respira fundo.
Avalia rapidamente,
Mas minuciosamente,
O que sobrou de seu mundo.

Não olha pra baixo e segue,

Poetando,
Versejando,
Como se estivesse leve.




Mais uma vez, tenho que recorrer a esta canção:
http://www.youtube.com/watch?v=T4M2gbqGeJM







segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Coreografia das Sereias














Pobre de quem não ouviu o canto das baleias,
Não viu a coreografia das sereias!
Não rolou a ribanceira
E não percebeu que tudo,
No fundo,
É brincadeira.

Separando o encantado,

O que sobra,
Não dobra.
Só cobra.
É feio o que se desdobra.
Não tem ritmo,
Nem faz sentido.
É fraco, falso,
Portanto não conduz,
Nem induz
Ao alto.

É no romantismo

Implícito no lirismo
Que se encontra o segredo
De todo esse enredo.
Muito diferente,
Muito mais arguente,
Quente
E rente,
Do que a maioria imagina.
De belíssima rima!
Toda apontada para cima,
Para o ápice da subida,
Onde as paralelas se encontram,
E não desapontam.
Abrem as portas para um mundo
Tão apaixonante, quanto profundo.

Exatamente por fazer parte do universo de gostar,

Onde é espontâneo o voar.






"Eu invento a luz"
http://www.youtube.com/watch?v=8kRxgvt8gZw





Presenteie lirismo!!!

Para adquirir  meus livros direto no site da Editora Biblioteca24horas,
Clique no link abaixo. 
Em seguida, digite meu nome ou o do livro no campo de pesquisa


http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br






domingo, 16 de fevereiro de 2014

Funcionário Padrão









Da Arte, sou funcionário.
É meu planetário.
É onde me entendo
E me aceito.
Onde me ajeito
E me deito,
Sem qualquer peso no peito.
Simplesmente, me estendo.
Compreendo um pouco melhor o mundo,
Sempre buscando o sentido profundo.

Nunca fui da periferia dos fatos.
Sempre quis o centro
Captar os meandros.
Não consigo me deter no raso.
Ainda bem.
Se tivesse me detido,
O encantado, não teria conhecido.
Não teria ido além,
Das paupérrimas expectativas,
Todas compulsivas, aflitivas, 
Que tinham para mim.
Toda a diferença
Neste meu final de sentença
Foi eu ter dito, ao coração, Sim!

Hoje vivo em um universo
Todo em versos.
Navego em altas sensações,
Transbordantes em inspiração,
Por entre as dimensões,
Transbordantes de afeição!




Preparem os coraçõezinhos:
"Tenho a miragem do porto"
http://www.youtube.com/watch?v=6vGwnYfBer4









Presenteie lirismo!!!

Para adquirir  meus livros direto no site da Editora Biblioteca24horas,
Clique no link abaixo. 
Em seguida, digite meu nome ou o do livro no campo de pesquisa

http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br








sábado, 15 de fevereiro de 2014

NÃO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!








Não adianta! Sou viciado dependente
De energia positiva,
E de sua decorrente 
Alegria!

Não me adapto ao escuro, não.
Sou da claridade.
Louco pela luminosidade
Generosa que emana da mansidão.

Não vejo graça alguma
Em fugir, em dar as costas, à altura.
Prefiro permanecer de frente,
Observando,
Cantando...
... Sorvendo
E absorvendo,
Para irradiar e poetar para toda a gente.






Penso inadmissível, o quadro atual.
No pior sentido: surreal!
Deselegantemente cruel!

O império do fel!

Por isso me recuso e pago o preço,
De fazer questão,
Com todo o coração,
De não compactuar.

É, em lirismo, que sei atuar.
O palco para meu som,
Apropriado ao meu mais íntimo tom.
Quando me infiltro,
É no papel de filtro.

Para mim, a maldade 
É um equívoco, uma fraude!
Promessa falsa!
Mala sem alça...
... Feito a constrangedora
Esmagadora,
Maioria dos políticos:
Decadentes e cínicos!





"Tem sempre uma bruxa pra apavorar"
http://www.youtube.com/watch?v=Hp2cCgWx0EQ







Presenteie lirismo!!!

Para adquirir  meus livros direto no site da Editora Biblioteca24horas,
Clique no link abaixo. 
Em seguida, digite meu nome ou o do livro no campo de pesquisa

http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br




sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Já, ... ... ... Misericórdia!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!








É o que gosto de sentir: gostar!
É onde me sinto confortável.
Podendo ser, espontaneamente, amável!
Só sei viver dentro dos domínios de gostar!

Detesto briga!
Abomino guerra!
Sou uma autêntica cria
Do mar com a serra!
Sou, sim, da paz!
Acredito em inteligências siderais.

Não estou aqui pra perder tempo,
Com quem não vivencia seus melhores sentimentos.

Quem foge de Amar,
Embarca no único pecar!

Quem finge amar,
Pensa aos céus enganar!

Quem brinca de amar,
Tem é medo de se entregar!

Meu negócio é outro.
Meu departamento é ser porto!
Com direito a um belo farol
Sobre um atol,
Para facilitar
A quem só quer trafegar.
Há emanação de afeto, ininterrupta,
Patrocinada pela altura.

Já, para quem quiser ancorar...
... Misericórdia! Chego a corar!!!






"A recomeçar recomeçar como canções e epidemias"
http://www.youtube.com/watch?v=V1hbV3cqRAI




Presenteie lirismo!!!

Para adquirir  meus livros direto no site da Editora Biblioteca24horas,
Clique no link abaixo. 
Em seguida, digite meu nome ou o do livro no campo de pesquisa

http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br





quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

De Mãe Para Filho



                ultradownloads.com.br





O que desejo pra você, meu filho:
É que você encontre o seu trilho.
De preferência, que ele seja alado.
Que amplifique a capacidade de seu abraço.

Aposto em sua bondade.
Aposto em sua pureza.
Quero que você ouça sua sensibilidade.
Elá será sua maior nobreza.

Continue resistindo às baratas seduções.
Prefira sempre as mais elevadas sensações.
Permaneça em humildade.
Mas, desenvolva sua personalidade.

Queira sempre ser melhor.
Influencie positivamente, tudo ao seu redor.
Abuse da generosidade.
Guie-se pela luz da eternidade.

Tudo está sempre por um triz.
Portanto, faça-se feliz!

Amo você, por entre...
... Para sempre!



Este texto poético foi-me encomendado por uma Mãe amiga minha, para o aniversário de seu filho de 26 anos.





ultradownloads.com.br