sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Mil Vezes



ultradownloads.com.br


Tenho preferido as verdades escancaradas.
Cansei de portas trancadas
Por desavergonhadas conveniências,
Através de inconsoláveis subserviências.
Se não me gosta,
Se em mim, não aposta,
Por favor, desencosta!
Falsidade, em qualquer quadrante, desgosta.
Desgasta-me.
Afasta-me.

A casa da ilusão não tem conforto,
Nem sossego.
Muito menos satisfação.
Apenas confronto
E frustração.
Impraticável enredo.
Afetos falsos
Ofendem ao alto.
Segundas intenções
Não podem gerar boas sensações.

Gentilezas obrigatórias,
Interditam todas as rotatórias.
Amizades oportunas
Desacatam a altura.
Melhor ficar sozinho
E preencher o ninho,
Com o próprio carinho.
Faz muito mais sentido.
Leva a melhores resultados.
Proporciona mais segurança aos passos




Música indicada:
http://www.youtube.com/watch?v=QzA3arG3ulo




Meus livros no facebook:
https://www.facebook.com/pages/Claudio-Poeta-Livros/476064975822122




Um comentário:

LUCONI disse...

Claudio que saudades estava, minha vida deu volta de 360 graus, mudei de residência e nem moro mais na minha, moro com minha filha e meus netos, adolescentes que eu não consigo dizer não, então cedo o pc para eles, eles não sabem esperar eu sei e como sei.
Tua poesia é verdadeira sim, melhor estar sozinho, conosco mesmo, do que viver na hipocrisia, beijos Luconi