quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

A Força da Vida




Meu sono é leve!
Uma brisa tímida sobre a pele...
Qualquer ventinho,
Qualquer barulhinho...
Está desfeito.
Já acordo daquele jeito:
Com o Olodum tocando no peito!
Pulo, quase, literalmente do leito,
Começa, com as crianças, a festa!
Farta distribuição de carinho,
Que, nunca falta em nosso ninho,
Graças à mensagem que trago,
Discretamente gravada na testa
Em neon alucinado!!!

“Só o amor viabiliza a alegria”!
Só em alegria amorosa,
Afetuosa,
É possível conhecer
O verdadeiro sentido de viver!
De pulsar,
Até quase se arrebentar!
Eloquentemente,
Visceralmente!
Como se a existência
Fosse apenas a dimensão,
Que se dá a consciência.
Fosse apenas, propagação
Indiscriminada de latência.
Irradiação perpétua daquele calor,
Responsável pelo mais sublime ardor...

Ser Amor!

A maior parte do tempo possível: Amor!

Esforçar-se!

Dedicar-se!

Afinar-se,

Entregar-se...

Como quem salta,
Confiando na divina palma,
Que o quer vivo
Lindo!
Exaltando,
Consagrando:

Amando!





Presente para
Cássio Leandro Luhmann




Esse jorro foi inspirado e é uma homenagem
À energia da obra de Renato Russo
http://www.youtube.com/watch?v=vFST1BouaFE




Proporcione Enlevo!


Presenteie Poesia


"Vida Alta" - Entre pelo mar da Bahia ao abrir o livro e vá parar no espaço, na constelação de Andrômeda!


"Ardentia" - Uma explosão de determinação, alegria e paixão!


Contato: cbs263000@hotmail.com





3 comentários:

Toninhobira disse...

Sempre uma inspiração acelerada amigo, com uma força da alegria que abraça e faz encantos.Ficou bela a homenagem nesta inspiração ao som do Olodum como se fosse magia.
Meu abraço de paz e luz.

Anônimo disse...

***** Gostei do Olodum tocando no peito!*rsrsrs. Ficou lindo!* É a Força da Vida Alta... Parabéns!* Um abração no coração!* >>> Narlei

Anônimo disse...

Claudio!!!vc escreve lindo,lindo,lindo!!!seus amigos são uns felizardos!meu abraço e parabens ao homenageado desta poesia!Meu carinho!
Alga