segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Voltar a Confiar





Sinto que as pessoas estão cada vez mais escondidas em seus castelos,
Com seus sistemas eletrônicos de segurança, em nada singelos...

Por quererem se preservar,
Deixam de arriscar.
A desconfiança permeia a tudo.
É a grade do mundo.
A entrega, quando existe, é parcial,
Circunstancial ou ocasional...
Sempre visando algum lucro,
Ou, para cobrir algum indiscreto furo...

O que se expõe em sociedade,
É uma amalgama da personalidade,
Uma composição
Que se adéqua a cada ocasião.
Uma exigência massacrante,
De um capitalismo sufocante.

O medo apoderou-se do próximo instante.
Escondeu-se tudo que é relevante.
Os melhores sentimentos estão guardados,
Em compartimentos segurados.
Não se acredita mais no próximo,
Um dos principais princípios cósmicos!
Na dúvida, permanecemos em nosso canto,
Tentando evitar a possibilidade do desencanto.

Entendo essa postura,
Mas, ela não consta da nossa partitura.
Precisamos todos, uns dos outros.
Precisamos suavizar nossos rostos.
Nada conseguiremos isoladamente.
Não chegaremos a lugar algum, individualmente.

Precisamos reaprender a coragem.
Lembremos que estamos só de passagem.
Que ela seja repleta de afeição,
Livre da insuportável aflição,
De nos sentirmos por tudo e por todos ameaçados.
Melhor que sigamos sinceramente irmanados.
Reconheçamos o princípio que ninguém
É melhor que ninguém...

O hábito de manipular
Tem que se erradicar,
Para que a confiança possa voltar,
Facilitando nosso caminhar.
É muito melhor seguir abraçado,
Do que, covardemente, armado.

O afeto que despertamos,
Que cultivamos,
Em nossa alma, eterniza-se.
No infinito, cristaliza-se!









Presente atrasado para minha amiga
Excelente poetisa Zaretliteratura




Vídeo indicado
Legião Urbana
"Tempo Perdido"
http://www.youtube.com/watch?v=ee6rDLESe1c&feature=related




Chegou a nova tiragem de "Ardentia"
Começo a enviar hoje. 
Mandarei o código de postagem 
Até quarta, mando todos.
Obrigado por esperarem.
Boa Leitura!!!













5 comentários:

artes e literatura disse...

Realmente as pessoas não estão preservando o essencial!!! Lindo demais, Claudio!!! Beijinhos, Aninha

Anônimo disse...

...E eu concordo em cada vírgula aqui colocada...maravilha de texto meu anjo!!!todas as reverências. Meu carinho e meu beijo. Lety

Toninhobira disse...

Perfeita homenagem para a nossa amiga Zare das Minas de Araxá.Assim creio que só juntos e abertos podemos arriscar a um mundo mais proximo de nossos desejos e sonhos de irmãos.
Meu abraço amigo.

Anônimo disse...

***** Nossa!!!! Mensagem maravilhosa!* Parabéns!*!*!* Linda homenagem!* Lindo vídeo!* Adoro Legião!* Adoro vc também!!!!! Um abraço bemmm apertado!* >>> Narlei*

Anônimo disse...

IMAGINO A EMOÇÃO DA TALENTOSA ZARETILITERATURA AO DESEMBRULHAR ESTE RADIANTE E CÓSMICO PRESENTE. PARABÉNS!... E A GRANDE LUZ NASCEU NUMA HUMILDE MANJEDOURA!...OH! QUE GRANDE E BELA SINERGIA VER O ARDENTIA NESTA TRANSCENDENTE MANJEDOURA...ABRAÇOS DE LUZ E MAGIA!WELINTON