sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Tem Nada Não !!!







Estava me levantando,
Ainda atordoado,
De tantos "pianos",
Em vários planos,
Acreditando-me seguro,
Quando recebi mais um golpe,
Incrível,
De tão terrível!!!
Destruiu parte de meu mundo!
Misericórdia! Que falta de sorte!!!
O estrago foi tamanho,
Que um pedaço de mim, permanece desacordado...


Feliz, ou infelizmente, a lucidez permaneceu.
Debate-se para entender tudo que se deu.
Alguma coisa, podia ter dado certo!
Afinal, fiz flores brotarem no deserto...
...Por sobre pedras!
Deixe estar!
Inda vou rebentar!
...Agora não tem mais jeito.
Vai ter que ser no peito!
É tudo!
Provarei porque estou no mundo.

Talvez, tenha sido mesmo necessário
Esta súbita troca de itinerário,
Para eu me espremer
E, mais profundamente, 
Diretamente,
Escrever...
Eita! Aqui está algo que nunca me abandona,
Que a tudo me acompanha:
A inspiração,
A surfar em meu furacão!

A benção que me atesta,
A festa
Que me resta.
A estrela em minha testa!




Música indicada:
http://www.youtube.com/watch?v=wahK_MBI2hY&feature=watch-vrec






Um comentário:

Denise Matos disse...

Boa noite Claudio, um prazer vir conhecer seu cantinho tão especial. Aplausos às suas letras.

Obrigada pelo carinho em meu diário. Bjos em seu coração...