quarta-feira, 21 de maio de 2014

À Condição







Como sinto falta de responsabilidade,
De respeito,
Nos relacionamentos.
Está mesmo muito ruim...
... Bem próximo do fim!
Ninguém liga pra o que o outro traz no peito.
Está desaparecendo o conceito de irmandade.
O ser humano deixou-se corromper pelo dinheiro,
Por inteiro!
Uma vergonha cósmica. Um celestial abatimento!
Uma aberração!
Uma indiscutível involução.
Estamos piores.
Bem menores...
Nunca estivemos tão frios,
E, com tão curto pavio.
Estamos sempre prontos pra atacar,
Porém indisponíveis para Amar!
Apenas este terrível dado,
Já confirma todo o global desacato.
O pior engano.
O mais sórdido desengano.

Felizmente, ainda existe o Encantado,
Usando de toda a sua generosidade,
Oferendo seus espetáculos,
Em função do exercício consciente da afetividade.

Perfeitos oráculos,
Para atiçar a sensibilidade,
A alma da humanidade,
Apenas, o Amar nos devolverá à condição de alados!




"Já era tempo de você voltar"
https://www.youtube.com/watch?v=-eLUBPmFiuE









Fotos: Janaína Siqueira - Paraty - RJ

2 comentários:

luís rodrigues coelho Coelho disse...

É sempre tempo de acordar e amar à nossa maneira - a verdadeira.
Se queres começar começa a dar sem nada esperar.
Talvez depois recebas sem pedir, sem chorar nem mentir.

Ana Bailune disse...

Olá, Cláudio.
Por isso, fico mais por aqui... olho para o mundo e tento caminhar por ele sem me deixar contaminar por suas mazelas e maldades. Mas é difícil.